Como conectar seu notebook a uma TV

Qualquer conteúdo que se pode assistir no notebook também pode ser visualizado de quatro maneiras diferentes na sua televisão.

Identifique um método para fazer o streaming do conteúdo de seu notebook

  • Sua TV e seu notebook possuem os mesmos tipos de portas de áudio e de vídeo?

  • Você prefere transmitir seu conteúdo sem fio?

  • Que conteúdo (como seus aplicativos de entretenimento preferidos) você mais consome?

  • Compre o cabo ou dispositivo de streaming da sua preferência e o notebook ajudará você a configurar tudo.

BUILT IN - ARTICLE INTRO SECOND COMPONENT

Quer você deseje eliminar a TV a cabo ou apenas fazer streaming dos vídeos das suas férias, é muito fácil conectar seu notebook à sua TV utilizando uma destas quatro maneiras.

Na sua busca por entretenimento, muitas pessoas eliminaram o cabo (ou satélite) e preferem obter sua programação pelo YouTube e outros sites na Internet por um pequeno custo ou de graça. Entretanto, nem sempre elas querem ver esse conteúdo nas telas pequenas dos notebooks ou outros dispositivos. A solução? Manter aquela TV grande em funcionamento, enviando conteúdo diretamente do notebook. Existem várias maneiras de fazer isso e é mais fácil do que se pode imaginar.

Conecte-se por fios
A maneira mais fácil de conectar o notebook à televisão é por meio de um cabo que conecta os dois dispositivos. A maioria dos notebooks desenvolvidos nos últimos cinco anos incluem uma porta HDMI (sigla em inglês para “Interface multimídia de alta definição”). A porta HDMI parece uma versão mais longa e mais fina da porta USB que você provavelmente utiliza para pen drives, impressoras e outros dispositivos. A maioria dos cabos tem baixo custo e deve ser fácil encontrar a porta da sua TV. Conectar os dois fios é tão simples quanto usar um fio de extensão.

Configure sua TV para a entrada correta para HDMI e o notebook deve configurar-se automaticamente para oferecer as melhores configurações. Caso o seu notebook não mostre automaticamente a sua tela na TV, acesse o seu Desktop, clique com o botão direito do mouse, vá até Configurações de exibição > Exibição > Ajustar resolução; você também pode acessar pelo Painel de controle. Selecione a TV na caixa exibida no menu suspenso. Você também terá a opção de usar resoluções diferentes. Tente utilizar a versão recomendada, mas se ela não aparecer para você, experimente outras configurações. Selecione este vídeo para conferir o processo simples de conexão e configuração.

Utilizar um cabo em um notebook mais antigo
 
Se estiver usando um notebook mais antigo que não tenha porta HDMI, sua solução pode ser uma porta VGA. Não, não se trata de uma organização profissional de golfe. Trata-se de um tipo de porta diferente, mais ou menos retangular com 15 pinos distribuídos em três ou cinco fileiras. Os cabos VGA somente fornecem a saída de vídeo, portanto este método requer um segundo cabo (que se chama ligação de 3,5 mm), que se conecta à sua TV e à porta do headphone do seu notebook.

Embora HDMI e VGA sejam os dois tipos de cabo mais comuns, algumas vezes seu notebook ou sua TV precisará de um cabo diferente, como um DisplayPort (que transmite vídeo e áudio) ou Vídeo composto (outro cabo somente de vídeo que requer um segundo vídeo para o som). Caso esteja confuso sobre suas portas, você poderá ver imagens das conexões mais comuns aqui.

É possível que computador e sua TV não tenham o mesmo tipo de conexão. Por exemplo: sua TV pode ter uma conexão HDMI e seu computador ter uma DisplayPort. Não há necessidade dar de ombros com frustração e contentar-se com a tela pequena. Basta comprar um adaptador, um dispositivo de baixo custo que possui uma conexão DisplayPort em uma ponta e uma conexão HDMI na outra. (Também existem adaptadores para a maioria das outras combinações.) Coloque a conexão correta do adaptador no cabo que vai para o notebook e a outra na TV.

Assim como o cabo HDMI, seus dispositivos devem reconhecer automaticamente um ao outro. Se isso não ocorrer, vá em painel de controle e ajuste as configurações, exatamente como faria com um cabo HDMI.

Espelho, espelho na TV 
Desde seu lançamento em julho de 2015, o sistema operacional Windows* 10 permite espelhar a tela do seu computador em uma TV, player de Blu-ray* ou qualquer dispositivo que seja compatível com o padrão Miracast*, que já está no mercado desde 2013. (Windows* 7, Windows* 8 e outros sistemas operacionais anteriores também têm suporte para esse padrão.) O Miracast pode ser descrito como “HDMI em Wi-Fi”, uma vez que faz a mesma coisa que um cabo HDMI sem o cabo – espelha o conteúdo do notebook no aparelho de TV ao qual está conectado.

Essa abordagem requer um pequeno mecanismo chamado ‘dongle’ Miracast. Esses pequenos dispositivos apresentam formatos diferentes, dependendo do fabricante, mas funcionam da mesma maneira: um dongle conecta-se à porta HDMI do notebook, permitindo que o notebook “descubra” outro dispositivo, como sua TV, e faça conexão direta com ela. Ele não requer uma rede Wi-Fi.

Para transformar seu PC em um receptor Miracast, basta abrir o menu Iniciar do Windows* 10 e abrir o aplicativo "Conectar". Caso não consiga ver esse aplicativo, será necessário baixar a Atualização Aniversário do sistema operacional.

O streaming é um sonho
Outra maneira de conectar o notebook à TV é com um streaming de mídia dedicado, dos quais os mais comuns são Chromecast* da Google, Streaming Stick* da Roku, Amazon Fire Stick* ou Apple TV*.

Todos esses dispositivos funcionam da mesma maneira, portanto, vamos ver como opera o Chromecast. Conecte o dongle à porta HDMI da sua televisão e ele funcionará como um transmissor que se conecta ao notebook ou a outros dispositivos portáteis por intermédio da sua rede Wi-Fi.

O Chromecast não faz espelhamento do conteúdo do seu notebook como outros métodos desta lista. Em vez disso, seu dispositivo móvel (smartphone ou tablet com Android ou iOS, ou ainda seu computador rodando sistema operacional Windows ou Mac OS) atua como um controle remoto. Ele direciona o dongle plugado na TV para o conteúdo da Internet que você deseja transmitir.

A configuração é fácil. Assim que você plugar o dongle na TV, ele deverá reconhecer seu notebook e executar o processo de configuração.

Existe uma discussão sobre qual é o melhor streamer de mídia dedicado, mas uma explicação comum é:

  • O Chromecast foi projetado para pessoas que desejam principalmente assistir a conteúdo de vídeo do computador na TV ou fazer streaming de conteúdo disponibilizado pelo navegador. Também foi produzido um dispositivo Chromecast somente de áudio para quem deseja ouvir música na televisão.
  • O Roku Streaming Stick destina-se a pessoas que desejam visualizar um grande número de aplicativos para TV. A maioria dos streamers pode acessar os principais aplicativos de áudio e de vídeo, como o YouTube, mas o Roku é considerado o que oferece mais opções.
  • O Amazon Fire Stick é direcionado para streaming (baseado em assinatura) de conteúdo do Amazon Prime Video, que possui seus próprios programas e vídeos originais, além do conteúdo que também obtém de outras redes premium.
  • O Apple TV é ideal para quem acessa muito material do iTunes ou que joga games para celular ou tablet na TV. Nem todos os streamers de mídia podem acessar o iTunes.

Existem inúmeras opções de streamer de mídia com diferentes versões que possuem recursos como navegação por voz, que permite pesquisar conteúdo usando comandos de voz. O custo desses dispositivos varia entre US$ 35 e US$ 150.

A eliminação do cabo (ou satélite) não significa que você tenha que abrir mão de seus programas favoritos. E, mesmo mantendo o cabo ou satélite, pode haver momentos em que, mesmo assim, você deseje fazer streaming de conteúdo diretamente do notebook para a TV – como para mostrar fotos e vídeos das suas férias. Portanto, escolha a abordagem que lhe pareça mais interessante e aumente suas opções de entretenimento.