O que é um Ponto de conexão?

Aprenda sobre pontos de conexão, inclusive como utilizá-los com segurança para obter acesso à Internet para seus dispositivos móveis via Wi-Fi.1

Pontos de conexão – o que são, onde estão e como é possível conectar-se a eles e, ao mesmo tempo, proteger sua privacidade e sua segurança?

Se alguma vez você tentou responder a um e-mail ou navegar na Internet com seu dispositivo móvel em um local público – ou mesmo do escritório ou de sua casa – é provável que tenha acessado um ponto de conexão Wi-Fi. Além de essa conexão ser muito prática, você não precisou usar os dados do seu smartphone. Não é de surpreender que os pontos de conexão estejam se tornando parte essencial da infraestrutura pública – e de nossa experiência com a Internet.

Milhões de pessoas conectam-se diariamente a pontos de conexão públicos para atender a suas necessidades de dados. Algumas estimativas dizem que existem quase 200 milhões de pontos de conexão espalhados pelo mundo e que, em 2018, haverá um ponto de conexão para cada 20 pessoas sobre a Terra. Por causa de nosso estilo de vida digital moderno sempre conectado, as pessoas esperam estar conectadas ininterruptamente, e os pontos de acesso públicos com Wi-Fi estão se expandindo em uma rede global de pontos de conexão para atender a essas necessidades.

Terminologia

Antes de nos dedicarmos a como conectar-se a um ponto de conexão e aos problemas de segurança relacionados a isso, vamos explicar o que queremos dizer. Embora algumas pessoas utilizem indistintamente os termos “ponto de conexão” e “ponto de conexão móvel”, eles têm significados diferentes.

  • Ponto de conexão: um ponto de conexão é um local físico onde se pode acessar a Internet, geralmente usando Wi-Fi, por meio de uma rede de área local sem fio (WLAN) e com um roteador conectado a um provedor de serviços da Internet. A maioria das pessoas refere-se a esses locais como “pontos de conexão Wi-Fi” ou “conexões Wi-Fi”. Explicando de forma simples, pontos de conexão são locais físicos onde os usuários podem conectar sem fio seus dispositivos móveis, como smartphones e tablets, à Internet.

    Um ponto de conexão pode ser um local privado ou público, como uma cafeteria, hotel, aeroporto ou mesmo avião. Embora muitos pontos de conexão públicos ofereçam acesso sem fio gratuito em uma rede aberta, outros requerem pagamento. Mais adiante neste artigo você aprenderá como conectar um dispositivo móvel a um ponto de conexão Wi-Fi.

 

  • Ponto de conexão móvel: um ponto de conexão móvel (algumas vezes chamado ponto de conexão portátil) é um ponto de conexão que é exatamente isso - móvel!. Embora um ponto de conexão “normal” seja ligado a um local físico, podemos criar um ponto de conexão móvel utilizando a conexão de dados do seu smartphone para conectar seu notebook à Internet. Esse processo é chamado compartilhamento (tethering). Falaremos mais sobre este processo mais adiante.

    Você também deve conhecer estes termos quando estiver falando sobre pontos de conexão com Wi-Fi.
 
  • Ponto de acesso (ponto de acesso sem fio):  um ponto de acesso sem fio (WAP) é um dispositivo de rede que permite que um dispositivo compatível com Wi-Fi conecte-se a uma rede com fio. A WAP pode estar fisicamente conectada a um roteador ou ser integrada ao próprio roteador. Uma WAP não é um ponto de conexão, que é a localização física onde o acesso por Wi-Fi a uma WLAN está disponível.

 

  • Wi-Fi: Wi-Fi é a tecnologia que permite que seu smartphone ou computador acesse a Internet por meio de uma conexão sem fio. Ela utiliza sinais de rádio para enviar e receber dados entre seu dispositivo habilitado e a WAP.

 

  • SSID: um identificador de conjunto de serviços (mais comumente chamado de SSID) é o nome exclusivo de uma rede sem fio. É necessário saber o nome da rede sem fio para conectar-se a ela. Seu computador ou smartphone pode procurar por redes sem fio disponíveis; em geral as pessoas dão nome à sua rede para facilitar a identificação – qualquer coisa como “telefone do Paulo” , “hóspedes do hotel”, até “Saia da minha LAN”.

 

Agora que você entende alguns termos associados aos pontos de conexão, vamos aprender como conectar-se a eles.

Como conectar-se a um ponto de conexão Wi-Fi

Você provavelmente conecta seu smartphone ou notebook à Internet por meio de vários pontos de conexão Wi-Fi ao longo do dia, quer esteja no seu escritório, em casa ou em locais públicos, como cafeterias e aeroportos. O uso de pontos de conexão é uma maneira fácil de manter-se conectado à sua vida agitada.

Conectar-se a um ponto de conexão sem fio é um processo simples, Vamos usar seu smartphone como exemplo. Você quer responder a um e-mail no aeroporto enquanto aguarda seu voo e não quer usar seus dados. Você pode configurar seu smartphone para avisá-lo quando estiver na área de alcance de uma rede sem fio ou pode encontrar redes sem fio usando as configurações do seu telefone. As etapas que você precisará seguir para conectar-se ao ponto de conexão Wi-Fi dependerão do dispositivo – Android*, iPhone* ou outra marca – mas aqui está uma visão geral.

  1. Clique no ícone de wireless do seu dispositivo para ver os nomes das redes sem fio próximas. Escolha uma rede sem fio; em alguns casos, talvez você também precise clicar em “Conectar”.
  2. Insira a chave de segurança ou a senha. A maioria das redes sem fio é protegida e requer uma senha para aceitar a conexão. Algumas redes não são protegidas ou são abertas e não exigem senha; você deve tomar cuidado ao acessá-las, uma vez que elas podem representar risco à segurança.
  3. Selecione o tipo de rede (doméstica, trabalho ou pública, se estiver usando um dispositivo Windows*). A escolha do tipo de rede estabelecerá um nível de segurança apropriado para sua localização. Se você selecionar “doméstica” ou “trabalho” seu dispositivo poderá ser identificado por outros dispositivos. Certifique-se de escolher “pública” se estiver em um local público como uma cafeteria, hotel, restaurante, aeroporto e outros locais semelhantes. 

Voilà! Você estará on-line em um piscar de olhos.

Dependendo de onde você estiver e dos tipos de pontos de conexão próximos, você poderá estar em uma rede aberta, sem fio, sem segurança ou em uma rede sem fio comercial paga. Você poderá ser solicitado a criar uma conta ou utilizar um serviço pago como Boingo* e iPass*, que oferecem diversos planos de acesso Wi-Fi, dependendo de por quanto tempo você planeja usar a Internet.

Digamos, porém, que você não consiga encontrar um ponto de conexão Wi-Fi nas proximidades. Leia a seguir e aprenda como pode usar seu smartphone como ponto de conexão móvel.

Usando seu smartphone como ponto de conexão móvel

Se estiver em um local que não disponha de ponto de conexão e deseje conectar seu notebook à Internet, você pode usar seu telefone como ponto de conexão Wi-Fi móvel por meio de um processo chamado “tethering” (compartilhamento). Isso permite que seu notebook acesse a Internet e compartilhe a conexão de dados do seu smartphone.

Embora as etapas de configuração variem de acordo com seu smartphone e seu provedor de serviços de Internet, geralmente é possível encontrar as instruções no menu Configurações ou Gerenciar Conexões do seu telefone.. Para fins de segurança, você deverá certificar-se de utilizar uma senha para o Wi-Fi de modo que os usuários de Internet próximos não possam acessar seu telefone ou notebook. Além disso, esteja ciente de que a ligação entre o notebook e o telefone, utilizará os créditos de dados do seu telefone; portanto, certifique-se de prestar atenção à sua utilização para evitar taxas de excesso.

Agora que você está conectado, é isso aí, certo? Bem, não exatamente. Você deve estar ciente de que embora o uso de pontos de conexão Wi-Fi seja uma maneira cômoda de permanecer conectado ao trabalho, família e amigos, essa conectividade também apresenta alguns riscos à segurança.

Segurança dos pontos de conexão

Um dos riscos de estar conectado à Internet é que as mesmas tecnologias que nos ajudam a nos manter em dia com nossa vida profissional e pessoal podem ser vulneráveis a hackers e ladrões de identidade.

Ao buscar um ponto de conexão Wi-Fi público, certifique-se de conectar seu smartphone ou notebook somente a provedores confiáveis, por exemplo, a rede sem fio do hotel ou da cafeteria. Tenha cuidado ao conectar-se a pontos de conexão que tenham erros de digitação, tais como Bongo em vez de Boingo, já que os hackers algumas vezes utilizam esses nomes aparentemente inocentes para atrair usuários ocupados que não estejam prestando a devida atenção. 

Também é possível que os hackers espalhem malware (software que pode danificar ou desabilitar seu computador) por uma conexão Wi-Fi desprotegida, especialmente se você estiver utilizando um programa de compartilhamento de arquivos na mesma rede.

Rede privada virtual (VPN)

Se você se preocupa com a segurança ao usar um ponto de conexão Wi-Fi público, você pode pensar em criar uma rede privada virtual (VPN) que lhe permite conectar-se à Internet por meio de uma conexão criptografada. Embora isso possa afastar os hackers porque seus dados estão criptografados, saiba que seu acesso à Internet ficará mais lento por causa do poder de processamento exigido para criptografar e descriptografar os dados que você transmitir.

Encontre uma solução de VPN que funcione

Se você estiver interessado em utilizar uma VPN para proteger-se on-line:

  • Invista em um serviço mensal Esta é uma das soluções mais comumente utilizadas. Certifique-se de pesquisar antes de comprar.
  • Considere a compra de um roteador habilitado para VPN. Existem diversos modelos no mercado que facilitam a tarefa de configurar sua própria VPN.

Com mais de 9 bilhões de dispositivos móveis habilitados por Wi-Fi que deverão estar em uso até o final do ano, a importância dos pontos de conexão e do Wi-Fi em nossas vidas realmente não pode ser subestimada.

Os tipos de sinais

 

Também chamado de

Objetivo

WLAN

Rede de área local sem fio

 

LAN sem fio

Permite que dispositivos móveis comuniquem-se sem fio utilizando sinais de rádio ou infravermelhos

WiMAX

Worldwide Interoperability for Microwave Access

Um dia considerado o sucessor do Wi-Fi, oferecia acesso por banda larga sem fio, antes de sucumbir aos padrões sem fio dos concorrentes

5G

5ª geração do padrão sem fio móvel

Oferecerá maiores taxas de dados, maior rapidez na conexão à Internet e velocidades de download (quando for lançada em 2020)

Experimente o benefício dos dispositivos acionados pela Intel

2 em 1

Um 2 em 1 equipado com um processador Intel® Core™ combina o desempenho de um notebook com a ultra mobilidade de um dispositivo finíssimo e elegante. Com uma série de designs inteligentes e elegantes e diversos tamanhos de tela, existe sempre um 2 em 1 com Intel® para atender a qualquer estilo de vida.

Saiba mais

All-in-one

O PC all-in-one com processador Intel® combina os melhores recursos de todos os seus dispositivos em uma usina de força de computação versátil. Simplificação de um sistema de desktop completo em um dispositivo elegante e potente.

Saiba mais

Desktops

De dispositivos de bolso até torres de alto desempenho, os desktops com a tecnologia Intel® estão disponíveis em uma variedade de pacotes para qualquer necessidade. Os desktops mais recentes lhe dão liberdade para armazenar, criar e compartilhar seu conteúdo mais precioso.

Saiba mais

Notebooks

Aproveite as possibilidades portáteis com os novos notebooks baseados nos processadores Intel® Core™. Equipado com potência e responsividade sem precedentes, você poderá elevar sua produtividade, criatividade e entretenimento e desfrutar de gráficos e jogos impressionantes.

Saiba mais

Informações de produto e desempenho

1

Os recursos e benefícios das tecnologias Intel® dependem da configuração do sistema e podem requerer hardware habilitado, software específico ou ativação de serviços. O desempenho varia dependendo da configuração do sistema. Nenhum produto ou componente pode ser totalmente seguro. Consulte o fabricante ou o revendedor de seu sistema ou saiba mais em https://www.intel.com.br.